Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]



Hoje foi o primeiro dia de trabalho deste novo ano. Depois destes dias em casa que me souberam a mini férias, foi difícil acordar e levantar, e ainda por cima hoje o dia de trabalho foi presencial, o que significa acordar mais cedo. Custou-me tanto... quase me levantava atrasada. Num ano em que ficaram dez dias úteis de férias por gozar, estava mesmo a precisar de não fazer nada. Fui ao supermercado no dia 31 e preparei o jantar de fim de ano, assim como aproveitei para as limpezas no Sábado de manhã, mas de resto foram dias de dolce far niente. As comemorações foram em casa e só estivemos nós e os miúdos. Vi séries e filmes, li muito e descansei ainda mais. Foram dias muito bons. Hoje apetecia-me tudo menos ir para o frio e para o escritório. É o que é e lá fui para mais um início de ano profissional, mais uma volta, mais uma viagem. Que seja um ano mais calmo profissionalmente, é o que mais desejo. Resta-me agradecer por mesmo num ano e fase tão difíceis, continuar a ter trabalho e saúde. 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 22:21

5f06834c40be231e18cb6395-large.jpg

O novo ano está quase, quase a chegar e confesso que quero muito que se o ano velho se vá, que as memórias não são as melhores. Não foi tudo mau, seria injusta se assim pensasse, mas faltam pessoas e afectos, estou farta de estar fechada em casa, nesta clausura forçada. Também sei que não é com o passar da meia-noite que tudo muda como que num clique, qual desenho animado, mas tenho esperança no ano que agora começa. Temos a vacinação já a acontecer e isso deixa-me motivada para o melhor que está para vir.

Que 2021 seja esperança, haja harmonia, paz e muita saúde. Que voltem os beijos e os abraços, hajam brindes e convívios. Tudo a seu tempo. Feliz 2021!!!!!

depositphotos_131567362-stock-photo-new-years-eve-

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 17:50

jude-beck-0V_wq6o0a98-unsplash.jpgPhoto by Jude Beck on Unsplash

2019 não me deixa grandes saudades. Ainda assim tenho muito a agradecer.

Que 2020 seja um excelente ano, que venha com tudo o que temos direito, muita saúde, paz, amor e dinheirinho. 

O meu ano irá começar com uma grande mudança profissional, já no dia dois. Que seja a primeira de muitas coisas novas e boas.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 14:06

Eu não sou garota de dormir muito, que não sou, mas também não precisava de acordar às sete da manhã no dia de ano novo. Não me deitei tarde por aí além, mas eram quase três, não precisava mesmo de acordar tão cedo. Acordei e pensei, se calhar ainda é um bocadinho cedo. Deixei-me ficar na cama mais um bocadinho, mas eu não sou disso, e pouco depois levantei-me. Ainda não eram oito da manhã e já eu passeava a canídea, que ficou toda contente, claro. Aproveitei para tomar um café que me soube pela vida, enquanto o marido ainda dormia. Não fiz praticamente nada, à tarde fui levar o Manuel a casa de um amiga, vai ficar lá para amanhã e assim aproveitar o último dia de férias da melhor maneira. Ainda fui também carregar o passe da Bárbara que amanhã já tem escola. De resto foi um dia bem passado de ronha, sofá, livros e filmes. Amanhã, felizmente, ainda não é dia de trabalho. Bela forma de começar o novo ano.

IMG_1414.JPG

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 21:39

Para 2017

02.01.17

Não querendo elaborar listas de objectivos ou resoluções, que normalmente saem furados e só nos deixam frustrados, não deixo de desejar umas coisinhas para este novo ano. Se as conseguir alcançar perfeito, se não logo se vê, passam de a curto para médio prazo, qual investimento, que não deixa de ser.

Para este ano desejo:

Trabalhar menos horas (para começo não está mal, tive o dia de hoje de tolerância)

Viajar, ir para fora cá dentro, e quiçá na loucura visitar uma cidade europeia 

Ir a concertos, pelo menos um, vá. Em não sendo possível, hajam Festas do Mar ou outras que tais com concertos gratuitos. Bem bom!

Retomar o curso de LGP à séria 

Ter mais uns trocos na carteira, dinheirinho não traz felicidade (dizem...), mas já dizia a minha avó "em casa que não há pão todos ralham e ninguém tem razão

Retomar a ideia do curso de fotografia 

Ler mais (e tenho livros novos que trouxe papai noel)

Pelo caminho que não me falte a saúde e acho que tudo o resto se vai levando.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 20:18

Assim foi 2016

31.12.16

Trabalhei muito mais que quarenta horas por semana (10 a 12 horas por dia a maioria dos dias), nem gozei metade das minhas férias que transitam para 2017 (e não vejo perspectiva de quando as irei gozar). 

Apanhei um susto horrível na preparação para uma ressonância magnética que a Bárbara tinha marcada (estupidez e negligência). 

Morreu o avô dos meus filhos.

Fui ao Porto, cidade linda, e subi o Douro de cruzeiro até à Régua. Soube a pouco, tenho de subir Régua - Pinhão.

Tive o afilhado do meu marido (carinhosamente chamado de adoptivo) a viver connosco durante quase três meses. Menino mimado e sem noção do que custa a vida, a aprender isso mesmo. 

Terminei uma formação em Língua Gestual Portuguesa e vi cancelado o curso mais a sério, que ia me ia dar certificação. Lá terá de ficar para o ano que vai entrar.

Fui ao teatro ver a D. Esperança do talentoso César Mourão. Valeu cada cêntimo.

Vi a selecção ser campeã da Europa e comemorei pelo futebol a primeira vez na vida.

Comemorei sem festa, os meus 41 anos. Foi muito bom, era o que mais precisava.

Fui às Festas do Mar ver um concerto da Mariza, foi absolutamente maravilhoso, que fadista, que mulher incrível. 

Levei a Bárbara a um concerto do David Carreira, experiência que ela não vai esquecer, fiz dela a menina mais feliz durante umas horas. Este Natal emocionou-se e agarrou-se a mim, quando lhe ofereci o DVD do concerto dele no Campo Pequeno. É mega fã do David.

Mudei a minha filha para o ensino profissional, e embora seja duro, foi a melhor decisão que podia ter tomado, só pecou por tardia. Depois de um ano lectivo anterior frustrante, agora tem notas brilhantes.

Fui à Serra da Estrela e os meus filhos viram neve ao vivo e a cores pela primeira vez na vida. E brincamos tanto e rimos tão mais ainda. A cereja no topo do bolo foi termos levado a avó deles connosco. Pena ter sido uma viagem relâmpago. 

Fui à apresentação de um livro e para além de um autógrafo lindo pude trocar umas palavras com a autora, que me inspira todos os dias um bocadinho.

Fotografei pouco. Li menos ainda.

Devia ter escrito mais no blog, mas fui muitas vezes vencida pelo cansaço e pela preguiça (sou fraquinha, bem sei).

Mais um ano que estive pouco com as pessoas de que mais gosto, consequência do cansaço de muitas horas de trabalho juntamente com os horários loucos do marido. Conjugar isto é dose.

Assisti impotente e de coração apertado às imensas tragédias que vão por esse mundo fora. #prayfortheworld

Foi o ano que nos levou tantos artistas queridos. Custaram-me particularmente o Nicolau Breyner e o George Michael. 

Venha de lá esse novo ano! Seja bem vindo 2017 e que seja melhor, muito melhor que este que agora termina. 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 18:54

Ano Novo

05.01.15

Tirando o episódio da dor de dentes, entramos muito bem sim senhora. Sossegadinhos em casa os quatro, num jantareco bem simpático, vimos alguns fogos de artifício (aqui da janela de casa conseguimos ver quatro sítios diferentes), vimos a gala do Factor X que os miúdos adoram (e o marido também), brindámos à meia-noite, bem jeitoso.

Dia de Ano Novo foi de descontracção, tudo sem pressas, vimos filminhos e séries na TV, muita ronha e mantinha no sofá que estava um frio horrível. Sexta-feira não trabalhei, foi dia de começar a correr logo de manhã, na melhor companhia, a cria mais nova e dar um jeito à casa. Sábado foi dia de ir ao supermercado e o Domingo foi passado em casa da mana mais nova com um solinho tão bom no jardim da casa e muita conversa, crianças na brincadeira e comida boa na mesa. Souberam a mini-férias estes dias.

Hoje foi dia de regressar ao trabalho, a vontade é que não era nenhuma, mas teve de ser e se tenho trabalho à minha espera. Fim-de-ano significa inventário, fecho de contas e facturação, etc. acrescido com as alterações a que estamos a ser sujeitos com o novo enquadramento da Fundação.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 21:08

Pois que ando com um estafermo de uma dor de dentes, daquelas de fazer ganir, e a tomar clonix para me aguentar, desde o primeiro dia do ano. Raios partam isto...

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 20:24

Quase em 2015

31.12.14

2015-Dreams of Paradise.jpg

 (foto daqui)

Tudo o que mais desejo para mim e para todos é que este novo ano traga tudo o que mais desejamos. Que seja "o" ano de todos nós. Quanto a mim, espero que os dois últimos grandes acontecimentos, o reencontro com as minhas irmãs e o trabalho do meu marido, sejam o bom presságio para o ano que vai entrar. O ano que está quase a passar foi duro.

FELIZ ANO NOVO!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 20:17

Ora pois que trabalha-se e ainda por cima o dia todo. Ora bolas. É mesmo falta de hábito, por norma por aqui não se trabalha o dia 31 de Dezembro. Já não é a primeira vez, mas neste 21 anos que por aqui estou, foram de facto muitas mais a vezes que não trabalhei neste dia. E dá tanto jeito estar em casa e preparar a passagem de ano com calma e tempo, ter tempo para algumas visitas de cortesia antes de entrar no novo ano. Como o que tem de ser tem muita força, restou-me preparar as coisas ontem, compras feitas, quando chegar a casa é fazer o jantarinho (neste caso é o marido que faz, eu trato dos detalhes), comemorar em grande e desejar que 2015 seja um excelente ano.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 08:37


Mais sobre mim

foto do autor


bertrand


Instagram


2021 Reading Challenge

2021 Reading Challenge
Cátia has read 1 book toward her goal of 12 books.
hide




Arquivo

  1. 2021
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2020
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2019
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2018
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2017
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2016
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2015
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2014
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2013
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2012
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2011
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2010
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D
  157. 2009
  158. J
  159. F
  160. M
  161. A
  162. M
  163. J
  164. J
  165. A
  166. S
  167. O
  168. N
  169. D



Comentários recentes