Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




Este final de ano foi dose, aliás são todos, mas este em particular custou-me muito. Parecia não mais ter fim. Se por um lado o puto no 4.º ano teve exames nacionais que implicaram trabalhos dobrados e muito estudo, a Bárbara no 8.º ano, que se diz o mais difícil do 3.º ciclo. A par de tudo isto a avó (minha mãe) doente que veio viver connosco e tudo o que isto implica.

O puto tal como era de esperar teve muitos boas notas, passando (transitando, como se diz no meio escolar) para o 5.º ano com distinção. Não fosse o (mau) comportamento e a hiperactividade e teria feito ainda melhor, crê a professora e creio eu. Teve classificação 5 no exame nacional de matemática, meu rico filho, já no de língua portuguesa ficou pelo 4, ainda assim com notas finais de 4 e de muito bom a estudo do meio. É um traquinas, é irrequieto, mas é um bom menino sem dúvida. A ver vamos como corre o 5.º ano, sendo que é um ano em que tudo é novidade, tudo é diferente, mais disciplinas, um professor diferente para cada uma delas e não há professora Filomena para deitar água na fervura quando o comportamento e a atitude não são os melhores.

A Bárbara, mesmo sendo o 8.º um ano difícil, foi surpreendentemente o ano em que obteve melhores resultados. Notas mais altas nos testes ao longo do ano com uma ou outra excepção. Resultado quatro quatros e uma negativa, muito bom para uma criança com NEE. É assim também que me lembro do meu 8.º ano, muito difícil. Se o 7.º ano acaba por ser um ano mais de consolidação do segundo ciclo, o 8.º tem tudo de novo, muita matéria, maior grau de dificuldade, muitos trabalhos para fazer e apresentar, etc.. E este é sem dúvida o calcanhar de Aquiles da Bárbara. Detesta trabalhos e se forem de grupo pior um pouco. Neste campo o ano foi um martírio, para ela (que não os queria fazer) e para mim (que insistia para que os fizesse). Não podendo executar as aulas de Ed. Física na prática, a alternativa foram os relatórios de aula e trabalhos sobre as várias modalidades praticadas na disciplina. Só neste período e sobre pressão (minha, da professora, da directora de turma) realizou e apresentou os vários trabalhos solicitados ao longo do ano. Uma tolice dela, foi muito mais complicado assim, mas conseguiu finalmente ter positiva. A negativa que se mantém é o Inglês. Fico tristíssima, pois se há disciplina na qual eu a consigo ajudar é esta. E o pior ainda é que tenho a certeza que ela não consegue apenas por embirração. Aquiles e negativa à parte, para os bons resultados deste ano e deste período, a colocação do implante coclear fez sem dúvida diferença. Ouvir melhor, a mudança de turma e o muito trabalho em casa. Como NEE tem mais aulas que os outros meninos com as aulas de apoio às várias disciplinas e também a professora de EE (que por acaso este ano deixou um bocadinho a desejar). O inglês foi penalizado sem aulas de apoio pois a professora acumulava da direcção de turma não tendo disponibilidade para os apoios. Consequência das medidas de contenção tomadas pelo ministério.

Este já está. Estão de parabéns os meus filhos!

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 22:27


1 comentário

Imagem de perfil

De Joana a 24.06.2014 às 11:16

Estão de parabéns sim.
Essa fase já a passei há alguns anos, mas ainda me lembro do stress que era estudar com ela. Parecíamos cão e gato.
Agora é tempo deles descansarem e de se divertirem. Eles e a mãe, claro

Comentar post



Mais sobre mim

foto do autor


bertrand

Halloween 2020 | Livros de Arrepiar - MREC

Instagram


2020 Reading Challenge

2020 Reading Challenge
Cátia has read 0 books toward her goal of 14 books.
hide




Arquivo

  1. 2020
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2019
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2018
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2017
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2016
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2015
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2014
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2013
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2012
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2011
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2010
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2009
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D



Comentários recentes