Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]




Fomos de viagem

31.03.10

Pela 1ª vez eu e os meninos fomos de viagem, ou melhor de viagem a sério, com direito a avião e tudo. Os preparativos foram uma confusão, isto porque eu sou tinóni e confesso. Não conseguia sequer pensar o que colocar nas malas, que malas levar, como melhor organizar, etc.. Tirei e coloquei roupa, fiz e desfiz malas, mudei de malas, enfim, só eu. Quem não sabe é como quem não vê, é mesmo verdade. A única viagem que tinha feito de avião já foi há uns anos largos e sozinha e agora a realidade era outra, e para os meninos foi uma estreia. As medidas de segurança nos aeroportos são outras, a minha preocupação pelo facto de a Bárbara ter placas e parafusos de titânio na cabeça preocupavam-me de sobre maneira, não havia declaração médica que me sossegasse. Mas pronto, malas feitas e aviadas e lá fomos nós.

Destino: Disneyland Paris!!!!!

Não podia ter corrido melhor. Mesmo com um grupo de 10 adultos e 5 crianças tudo correu muito bem, todos nos entendemos, estivemos sempre em sintonia de ideias e vontades, foram 5 dias fantásticos. As crianças como crianças que são fizeram as suas tropelias, embirraram uns com os outros, guerrearam, brincaram, brincaram muito, e nós os adultos quase piores que eles. É de facto um destino de sonho e fantasia, entre paradas, desfiles, fotos, muitas fotos e fotos com quase todos os personagens Disney, espectáculos, actividades interactivas e todas as diversões. 

Mesmo tendo de acordar todos os dias às o6h30, pois o parque abria às 08h00 e havia que aproveitar ao máximo, venho com energias renovadas, até a vontade é outra. Foram de facto umas boas férias. Tenho de colocar, ou melhor, blogar algumas fotos, são dignas disso, e muitas também, andei sempre de máquina em punho.

Quem sabe me apetece fazer uma espécie de diário de viagem, parece-me uma ideia engraçada e para mais tarde recordar.

Uma viagem a repetir garantidamente!!!!!

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 19:55

Hoje foi dia de levar a minha "piquena" e humilde viatura à inspecção. Nervos e stress, tontice minha bem sei, mas não gosto a sério que não gosto, sinto-me peixe fora de água. Desde os inspectores à parafernália de máquinas tudo me perturba. Tenho-me safado e consigo quase sempre uma alma caridosa e amiga que me leve o carro à inspecção, mas este ano enchi-me de coragem (até parece que é uma coisa do outro mundo) e lá fui. Mas tive tempo de me mentalizar, pois fiz a marcação antes de ir e assim evitei estar à seca como às vezes acontece se o centro tiver muita gente. Bem mais fácil sem dúvida, foi chegar e andar. Recomendo. Bem, mas lá estava eu a tremer por dentro, com o inspector a olhar e a fazer todas aquelas coisas. O que mais me incomoda é quando vão para debaixo do carro e nós temos de fazer o que vai aparecendo no painel, tontice de novo bem sei. Mas já está, portei-me bem, fiz tudo certinho direitinho e a viatura passou com distinção! Nenhuma anotação, tão lindo o meu menino!!! Estou até orgulhosa, qual filho que faz uma qualquer habilidade ou coisa boa. Eh eh!

Cá está a prova:

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 21:00

Concordo

14.03.10

Ser pena do mesmo pato. Como eu concordo com quase tudo...

A "tia" Margarida escreve quase sempre coisas com que me identifico, esta não é excepção.

Polémicas à parte, pois que cada um sabe de si.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 23:09

Tac

13.03.10

Há pouco a espreitar as imagens da última TAC da Bárbara, e mesmo já tendo a neurocirurgiã dito que está tudo a correr bem para esta fase, fiquei com o coração tão pequenino... não consigo descrever. É o constatar da realidade do problema de saúde, tão grave como é o Síndrome de Crouzon. É ver um sem número de placas, parafusos e alterações na caixa craniana. Enchi-me de lágrimas, não me consegui conter. É difícil, ver ali o preto no branco, é ver o que no dia-a-dia não está visível mas que está sempre lá. É constatar a minha impotência contra o que nada posso fazer, só desejar que corra tudo bem, e ir vivendo um dia de cada vez.

Que as forças nunca me faltem...

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 20:38

Férias

13.03.10

Ontem o dia foi esgotante. Começou mais cedo que o habitual, pois a peste mais pequena tinha uma visita ao Oceanário e a chegada à escola teve de ser às 8h00. Depois de ir levar a outra peste à escola toca de ir trabalhar, último dia de trabalho antes das férias = CAOS! Mil coisas para deixar resolvidas, mil telefonemas para fazer, outros tantos e-mails para enviar e a receber, mil processos para despachar e mais um trabalho extra, daqueles que gosto, mas que ocupa muito tempo. Ainda tive de sair por meia hora, durante a manhã, para levar a Bárbara à psicóloga e voltar. Quase em cima da hora de almoço uma notícia bombástica e arrasadora na empresa, ou pelo menos para a Direcção em que trabalho. Enfim, um dia daqueles mesmo. A hora de almoço, claro está, passou-se a trabalhar, e à tarde o tempo parecia não chegar para tudo o que havia para fazer. Numa aflição toca de tratar de pedir para me irem buscar as crianças pois não ia mesmo conseguir despachar-me. Mas tudo correu mesmo muito bem, deixei tudo despachadinho, e aquela sensão de dever cumprido ao final do dia vale por tudo!

E pronto, estou de FÉRIAS!!!!!!! Duas semanas, esta semana é tentar descansar e preparar a viagem que se avizinha; na próxima, Disney, aí vamos nós!!!

Estava mesmo muito a precisar de férias que isto de não dormir em condições, mais a anemia, mais as complicações com as crianças, não matam mas moiem.

Autoria e outros dados (tags, etc)

Tags:

publicado às 13:00

Papéis

08.03.10

Detesto organizar os papéis cá de casa, extractos bancários, contas, papeladas dos médicos (que cá em casa abundam, infelizmente) e afins, detesto mesmo. Talvez por defeito profissional, pois passo os dias a organizar e a mexer em papelada, processos e mais processos, pastas e mais pastas, e quando toca aos meus, nunca me apetece. Sou mesmo preguiçosa, para dizer a verdade. Não é hoje é amanhã, não é esta semana é na próxima e quando dou conta já passaram meses e eu sem organizar ou arquivar nada. Uma preocupação eu tenho, ter as contas todas em dia, mas os papéis depois vão sempre para um monte, ou melhor uma caixa toda catita que comprei na Ikea, onde ficam até me dar uma veneta como hoje e toca a arrumar tudo. É quando se começa a aproximar a altura dos impostos que lá me cai a moeda e pronto, desta tem mesmo de ser.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 23:27

Terapia

05.03.10

Li no fantástico Sushi Lebon de Mónica Marques, que adoro, este fantástico exercício, resolvi arriscar. Cá vai:

 

O dia em que descobri que estava grávida da milha filha. A hora em que o meu filho nasceu e tudo o que senti. Os primeiros dias do ano em que consigo usar manga curta. Todos os dias do ano em que a temperatura passa os 30º. O sol. A praia. Sentir o sol a bater-me na pele, como quem alimenta a alma. O dia em que fiz a minha tatuagem, e sentir o imenso significado que tem sempre que a olho. Apreciar aquele excelente vinho tinto, de que tanto gosto. Ouvir os fantásticos U2, e a Joss Stone, e os Muse (uma agradável e recente descoberta), e os Pearl Jam, e o Michael Bublé - Home e os Xutos, e os Snow Patrol. Pessoa, o sempre incrível Pessoa. Isabel Allende.  Caminhar na praia no final de um dia de verão. Entrar no mar e ao sair sentir o sol secar-me a pele. Ir da Casa da Guia até ao Guincho a pé ou de bicicleta. Ir até à Fnac "cheirar" livros. Ouvir um piano tocar, e um violino. Acordar com o Programa da Manhã da Comercial. Conduzir, depressa. Ir ao cinema. Quando um filme mexe comigo. Os filmes da minha vida "África Minha", "Bucket List"e "A Cidade dos Anjos", todos os meus Guilty Pleasures da música -  Roberto Carlos, Roupa Nova, George Michael;  e da 7ª Arte - "Top Gun", "Dirty Dancing", "A Escolha do Amor". "Irmãos & Irmãs".

O cheiro a terra molhada. O cheiro a café acabado de fazer. Um cheiro bom. Ouvir o silêncio. Desejo. Sexo e prazer. Beijar na boca, com língua. Os amigos. Dançar, dançar muito. Dormir a sesta. O Alentejo. Os Açores. Caracóis e imperiais num final de tarde de verão. Comida alentejana (umas fantásticas migas, hummm) e japonesa. Castanhas assadas. Café. Café Mocca no Starbucks. Um waffle com gelado de café. Mon-chéries. Recordar o meu avô e as lembranças que tenho dele. Deitar numa cama feita de lavado. Acordar cedo.

 

E por agora fico por aqui. Exercício a repetir, garantidamente.

Autoria e outros dados (tags, etc)

Tags:

publicado às 21:30

Dar um tempo

03.03.10

Nunca fui muito desta coisas de dar um tempo, eu sou muito prática, para mim as coisas ou são ou não são, tudo preto no branco, não sou de dar margem para dúvidas. Mas lá está, mais uma vez comprovo que só quando se passa pelas situações é que se podem avaliar de facto. Entre uma situação que já não é quase nada a correr o risco de passar a não suportar ou mesmo odiar alguém de quem se gosta, é mesmo melhor dar um tempo.

Uma amiga hoje disse-me e com razão que o tempo cura tudo, mas neste momento só consigo pensar que de facto cura, mas as cicatrizes essas ficam e não desaparecem nunca...

Autoria e outros dados (tags, etc)

Tags:

publicado às 23:14

Obras em casa

03.03.10

É do pior que pode haver. A sério, hoje ao olhar para a minha cozinha ainda não acredito que me livrei de todo o pó e sujidade, que consegui dar a volta ao estado miserável em que dois dias de obras podem deixar uma cozinha. E ainda por cima, sem ter opção de dizer não! O que tem de ser tem muita força. Descobriram uma infiltração no andar de baixo, que esteve fechado durante três meses, ou melhor aquilo nem de infiltração se podia chamar já, penso eu. O tecto era uma mancha imensa de humidade e bolor, quase cogumelos, E pronto nada a fazer, o senhorio ligou-me e lá teve de ser, toca de tirar armários, cortar azulejos, fazer buracos no chão e na parede, para finalmente chegar aos canos danificados e substituí-los. Foram dois dias muito maus, pó e pó, sujidade e mais sujidade, por todo o lado, mesmo, da marquise à janela, da paredes aos armários. Estive das 19h30 às 23h45 com as mãos dentro de água quente e gel com lixívia, para conseguir dar conta do recado, quando parei estavam engelhadinhas, engelhadinhas, credo. A meio do campeonato confesso que desanimei, achei que não ia acabar nunca, quase desisti. Enfim, no final o cansaço era tal que nem jantei, quando parei só quis mesmo estar um bocadinho quieta e sossegada, qual pensar em usar a cozinha onde quase me matei a trabalhar... Que bela esfrega ali apanhei.

Se calhar sou exagerada bem sei, pois sou mesmo picuinhas com limpeza, e limpei mesmo tudo muito a fundo.

Nos tempos mais próximos não me falem por favor nem em obras nem em limpezas, please!!!!!

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 22:51

Hoje o dia foi de nervoso miúdinho. Tontice a minha obviamente. Ora pois que hoje foi dia de mamo e ecografia, para controle de um fibroadenoma na mama esquerda, que apareceu no ano passado. Mas como gato escaldado de água fria tem medo, e desde a altura que percebi que se passava algo até ao resultado da biópsia que fiz na altura que custou como tudo, a ansiedade foi muita, confesso que estava mesmo a ser difícil não me enervar. Ao final do dia então estava com o nervo à flor da pele. Parecia uma tinóni, sem conseguir sequer pensar qual seria o melhor caminho de Belém até à Expo em plena hora de ponta,

No fundo e tal como no ano passado achei sempre que estava tudo bem, que isto de sofrer por antecipação não vale nada a pena, mas ao nervo reservo-me o direito. Também porque agora todos os meses tenho o cuidado de palpar a mama a perceber se há ou não alterações, e tem estado tudo na mesma. Mas ouvir a nossa médica dizer que está tudo na mesma e sem alterações é sem dúvida um alívio.

E pronto para a semana há que mostrar à ginecologista e para o ano há mais que desta já passou.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 20:46


Mais sobre mim

foto do autor


Instagram


2019 Reading Challenge

2019 Reading Challenge
Cátia has read 0 books toward her goal of 12 books.
hide



Arquivo

  1. 2019
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2018
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2017
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2016
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2015
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2014
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2013
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2012
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2011
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2010
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2009
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D



Comentários recentes